"Não me roube a solidão sem antes me oferecer verdadeira companhia."


Friedrich Nietzsche



quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Mas você sempre some...

   "Por isso eu corro demais, corro demais... Corro demais, só pra te ver, meu bem." 

   Eu sei... A vida nem sempre colabora, o tempo corre de vez em quando, estaciona vez outra. Mesmo que o mundo continue girando em um contínuo movimento, alguma coisa sempre elimina a gravidade ao nosso redor, diminui nossa noção de tempo e espaço... E tudo bem, isso tudo é a nossa vida.
(Mas você sempre some.) 
   É foda! Entre um gole de uísque e outro de cerveja. Mesmo quando estou sóbrio... É difícil não saber o que você realmente quer de mim, e isso não é uma cobrança. Apenas dúvida e esperança. Eu quero você, de qualquer jeito, em qualquer dia, à qualquer preço.
(Mas você sempre some.)
   Talvez não seja culpa sua, talvez quase nunca seja, mas eu sinto saudades e quase sempre alguma coisa me impede de te ver, de conversar... E é por isso que eu escrevo aqui, pra ti. Pra que você se encontre nessas linhas, em algumas frases. Pra que você saiba que eu lembro de você. Pra que você saiba que eu me importo.
(mas você sempre some.)
   Só não some da minha cabeça, da minha rotina, das mensagens do meu celular. Só não some dos meus pensamentos, da minha vontade. Só não some das lembranças dessa sua boca linda, não some do cheiro da minha roupa. Você não some, nunca, quando lembro do sorriso que me deixa em pedaços.
(Mas você sempre aparece.)
   Às vezes, não gosto disso. Acho que acaba te afastando mais ainda. Não gosto de falar tão abertamente, acho que me deixa vulnerável. Acho que me entrego muito. Pra você. Sem querer. E você consegue ver? Te vi por tão pouco tempo e te acho tão importante, tão necessária... Devo estar ficando louco, devo estar querendo muito com meu pouco. É normal, às vezes , esqueço por algum tempo e consigo seguir solto.
(Mas você sempre aparece.)

"Se você vivesse sempre ao meu lado eu não teria motivos pra correr e devagar eu andaria... Eu não corria demais. Agora eu corro demais... Corro demais, só pra te ver meu bem."

Um comentário:

Babi M. disse...

Tão bom Paulista, que eu já li umas 7 vezes... Rotina da semana!